16
mar
Vídeos

Quando o Luxo vem sem Etiqueta

Adrianne Passinato

Muito interessante essa experiência feita pelo The Washington Post:

O cara desce na estação do metrô de NY vestindo jeans, camiseta e boné,
encosta-se próximo à entrada, tira o violino da caixa e começa a tocar com
entusiasmo para a multidão que passa por ali, bem na hora do rush matinal.

Durante os 45 minutos que tocou, foi praticamente ignorado pelos passantes.
Ninguém sabia, mas o músico era Joshua Bell, um dos maiores violinistas do
mundo, executando peças musicais consagradas num instrumento raríssimo, um
Stradivarius de 1713, estimado em mais de 3 milhões de dólares.

Alguns dias antes Bell havia tocado no Symphony Hall de Boston, onde os
melhores lugares custam a bagatela de 1000 dólares.

A experiência, gravada em vídeo, mostra homens e mulheres de andar ligeiro,
copo de café na mão, celular no ouvido, crachá balançando no pescoço,
indiferentes ao som do violino. A iniciativa realizada pelo jornal The
Washington Post era a de lançar um debate sobre valor, contexto e arte

Conclusão: Estamos acostumados a dar valor às coisas quando estão num contexto.

Bell era uma obra de arte sem moldura.
Um artefato de luxo sem etiqueta de grife.

Será que estamos olhando as pessoas como elas realmente são?

Assista o vídeo Stop and Hear the Music

e… pense nisso!!! 😉

Adrianne Passinato

 


Deixe seu comentário



Copyright 2013. Líderes de Batom - Todos os direitos reservados